Instagram

Follow Me!

  • Home
  • /
  • Tag Archives:  resenha

Testei: Cetaphil Advanced Moisturizer Loção Hidratante

Recebi da assessoria da Cetaphil um creme pra testar e passei um bom tempo usando antes de indicar. Às vezes a gente começa a usar um produto e depois de um tempo ele dá algum ‘revertério’ na pele… Não foi o caso desse!

Tivemos algumas semanas bem geladas aqui em São Paulo. Eu tenho a pele mista com tendência à acne, mas algumas áreas do meu corpo ficam super secas nessa época – pés, cotovelos, joelhos e seios. E dói, gente. A pele racha e dá uma aflição terrível de colocar qualquer roupa. Antes de começar a esfriar pra valer comecei a usar o Cetaphil Advanced Moisturizer Loção Hidratante todos os dias antes de dormir.

cetaphil2

Segundo a assessoria: o Cetaphil Advanced, hidratante corporal de uso diário para peles seca ou sensível (…) Possui agentes que hidratam deixando uma película protetora que dá a agradável sensação de pele sedosa. O complexo também reforça as ações de outros agentes presentes no Cetaphil Advanced, que são glicerina (umectante), óleo de macadâmia (oclusivo) e acetato de vitamina E (antioxidante). Além disso, o produto contém em sua formulação o componente pantenol, que proporciona propriedade cicatrizante.

 

cetaphil1

 

Achei bem boa a ação do creme. Ele realmente ajudou a prevenir as rachaduras e passei o inverno mais tranquila. Como tenho a pele mista, evitei algumas áreas como costas e apliquei somente onde a pele é mais seca, e funcionou bem. O único porém é que ele demora um pouco mais pra ser absorvido pela pele, então se você precisa passar e colocar uma calça pra sair de casa pode ficar um pouco grudento. O ideal é mesmo passar antes de dormir, depois de tomar um banho e correr pra baixo do edredom!

Além disso, ele não tem cheiro nenhum, o que é bom pra quem tem a pele super sensível a perfumes ou não gosta mesmo. Eu gosto de um cheirinho bom, mas como antes de dormir costumo passar uma colônia de bebê, é até bom que não tem ‘briga’ entre os aromas!
O único problema é que ele é bem caro. Encontrei no site da DrogaRaia por R$157 .  Por mais que seja uma embalagem gigante, é um valor alto.

Resumindo, eu indico o Cetaphil Advanced Moisturizer Loção Hidratante se você:

  • Tem pele sensível
  • Quer evitar rachaduras se vai pra um lugar que tenha clima mais frio
  • Não gosta de cremes perfumados

Mais alguém tem esse tipo de problema com a pele? Que creme vocês usam pra prevenir?

wwz5

Assisti: Guerra Mundial Z

Já faz um tempinho que o novo filme de Brad Pitt estreou no cinema, e eu fui assistir logo na primeira semana. O motivo foi além do muso. É que esse filme une teorias de conspiração, zumbis e fim do mundo. Ou seja: três coisas bizarras que eu adoro.

WWZ_Poster_5_23_13

Guerra Mundial Z conta a história de um ex investigador da ONU (Brad Pitt) que leva uma vida normal com sua mulher (Mirelle Enos, que fez uma policial na série The Killing) e filhas quando esse vírus começa a se espalhar rapidamente. Ele é chamado pela ONU e enviado pra descobrir de onde essa parada toda veio e como encontrar uma cura.

Porém, como alguns de vocês já sabem, eu sou uma medrosa pra filmes de terror. Já abandonei vários no meio. Não, Guerra Mundial Z não é um filme exatamente de terror, mas zumbis que conseguem correr e saltar em cima de você foi assustador o suficiente pra eu realmente pensar em ir embora. Esse filme faz Walking Dead parecer um gibi da Mônica – apesar de ser bem menos gráfico e ter muito menos sangue, a tensão é de enlouquecer. Em Walking Dead é tudo meio nojento e você toma uns sustos, mas ainda pode andar um pouquinho mais rápido ou enganar zumbis que são rápidos como uma porta. Mas em Guerra Mundial Z, não. Eles vão correr atrás de você, pode ter certeza.

wwz2

Se eu tivesse que escolher um tipo de zumbis pro fim do mundo, com certeza seria os de Walking Dead.

Mas o filme é muito bom e eu me surpreendi! Recomendo. Corre pro cinema mais próximo que ainda tá passando.

 

Kate Nash e Magic Numbers no Cultura Inglesa Festival

Ontem rolou o 17º Cultura Inglesa Festival em São Paulo, no Memorial da América Latina! A escola de idiomas traz todo ano nomes britânicos pra tocar em um festival gratuito. Já rolou Gang of Four (em 2011) e Franz Ferdinand (em 2012) quando o festival ainda acontecia no Parque da Independência.

Ontem tava um frio do caramba e eu estava morrendo de cólica, mas tomei coragem e fui com minhas amigas! Fiquei feliz por ter tomado essa decisão. As bandas principais eram Magic Numbers e Kate Nash. Eu não podia perder :) Não vi o show do Magic Numbers quando eles vieram alguns anos atrás e fiquei super triste.  Quando eu cheguei o Memorial estava tranquilo. Não tinha muita gente, o que é uma pena. Quando é de graça ninguém vai, quando é pago esgota em um minuto. Vá entender…

Os fofinhos do Magic Numbers fizeram um show legal, mas um pouco menos animado do que eu esperava. Tocaram algumas músicas que estarão no próximo album e elas eram LONGAS. O público estava menos animado do que deveria (se bem que num lugar aberto como aquele e com o vento que tava, talvez eu que não estivesse ouvindo). Achei muito legal que o Marcelo Jeneci, com seu novo visual hipster-maluco-peruano-meets-beakman-com-a-make-do-laranja-mecânica, fez uma participação bonitinha tocando acordeon e cantando uma música do Caetano Veloso. Mega aleatório, eu jamais imaginaria… A Cultura Inglesa transmitiu os shows pelos Hangouts do Google e agora eles estão no YouTube pra assistir tudo. Olha só:

Já a Kate Nash foi fofíssima e faladeira. Nossa, como fala essa mulher. O legal é que dava pra ver a paixão pelo Brasil que ela tem – ela até estava na manifestação que rolou na Avenida Paulista sábado (não tenho certeza se ela sabia contra o que estava protestando, mas enfim, estava lá tirando foto pro Instagram como a maior parte dos manifestantes hehe). Entrou com uma bandeira do Brasil como capa, foi pro meio da galera, pegou um fã que tinha a cara dela tatuada no braço e levou pro palco… Disse que da outra vez que veio pra cá estava num momento pesado e os fãs brasileiros a ajudaram a dar uma reviravolta na vida e melhorar. Fofíssima.

Se você pensava que ela era uma menininha fofinha, assista o show de ontem pra ver como não é mais. Ela está super punk rock! Achei muito riot grrrl o show e a banda só de meninas – que mandam muito bem. No final, ela chamou umas trinta fãs pro palco pra cantar com ela. Foi bem legal.

Se perdeu, assiste tudo aí :)

elena_dest

Assisti: Elena – O Documentário

Sábado passado fui ao cinema assistir ao documentário Elena. Vocês devem ter visto o trailer pelo YouTube, eles estavam divulgando massivamente.

ELENA_cartaz_1920x2880_PNG copy

Quando vi o trailer, fiquei tocada. Elena é um documentário de Petra Costa. Petra é a irmã mais nova de Elena, uma jovem que sempre quis ser atriz e quando começava a despontar nos palcos aqui no Brasil, resolveu que queria mais. Foi para Nova Iorque estudar atuação e correr atrás do seu sonho de fazer cinema. Lá, descobriu uma depressão e alguns problemas psiquiátricos, que a fizeram voltar por um tempo. Depois, a mãe pegou a irmã (Petra, ainda bem pequenininha) e foi junto pra NY, pra Elena terminar os estudos, desta vez com a companhia da família.

Algum tempo depois, Elena se suicidou na casa em que moravam.

O documentário não é o que costumamos assistir no estilo. A narração de Petra é como uma carta à irmã. Ela conta a história dos pais delas, da infância de Elena e de como ela também se apaixonou pelo teatro, começou a ter sonhos com a irmã e resolveu contar sua história. Conta como foi pra ela perder a irmã que tanto admirava, vê-la sofrer com os problemas psiquiátricos e, por fim, desaparecer. Não é um documentário cheio de depoimentos e fatos reais, mas repleto de sentimentos que fazem a história toda se tornar tão pessoal que gera um incômodo.

Achei triste e me tocou profundamente. Pensei em várias pessoas que passaram pela minha vida e em como é ruim perder alguém. Pensei em todos os momentos que neglicenciei pessoas que amava pelas minhas dores, também (eu tive depressão por boa parte da juventude, fui diagnosticada erroneamente como bipolar e borderline, e graças a deus não preciso de remédios há alguns anos – mas isso é história pra outro post).

Recomendo que todos assistam. Elena já levou prêmios e entrou na programação de vários festivais pelo mundo. O filme entra essa semana no circuito dos cinemas das principais cidades do Brasil! Mais informações no site oficial.

QD ROXINHO_dest

Arriscando o batom roxinho

No sábado fui na Quem Disse Berenice do Shopping Paulista e nunca consigo sair de lá com as mãos abanando. Minhas últimas compras incluíam um demaquilante, dois balms (um vermelho e um transparente) e esse batom incrível!

QD ROXINHO3

Não tinha ainda um batom roxinho e tinha dúvidas se ficaria bom no meu tom de pele, mas gostei bastante desse tom que é puxado pro vinho. Como saiu de graça (estava rolando uma promoção que você se cadastrava pelo Facebook e trocava um batom antigo de qualquer marca por um novo), resolvi arriscar! A cor é a Vindito.

QD ROXINHO2

Ele é cremoso e hidrata bem os lábios, o que nesse tempo mais frio pra mim é muito necessário. Fico com a pele dos lábios e ao redor deles completamente seca e ardendo. A duração é boa, mas por ser bem cremoso, provavelmente vai sair depois de uma refeição. Ainda quero fazer mais testes, não sei com que tipo de maquiagem nos olhos posso usar. Mas com um delineador ficou muito fofo, mais vibrante nos lábios do que na amostra que fiz na mão:

QD ROXINHO1

 

Entrou pra listinha dos favoritos!

E vocês, que cor estão pensando em arriscar nesse inverno?

cliniquedest

Testei: Clinique All About Eyes

Sempre tive curiosidade pra usar esse creme para olhos da Clinique. Com os 27 anos chegando a consciência – e uma bronca da dermatologista –  já estava batendo que eu deveria cuidar melhor da àrea dos olhos…Principalmente porque eu tenho propensão a ter marcas de expressão já que quando eu sorrio, meus olhos fecham e ficam cheios de ruguinhas de alegria ;) Olha só nessa foto (acho que é de 2009, não lembro bem).

2137_63739264061_2466_n

Uma amiga foi viajar e pedi pra ela trazer o Clinique All About Eyes do freeshop. Antes de comprar fui meio às cegas pois não achei resenhas que falassem muita coisa pela internet, mas a dermatologista falou que no momento minha necessidade é apenas hidratar a área e que esse creme é bom pra quem tem a pele mista e com tendência à acne como a minha.

Segundo o site da marca:

All About Eyes™ – Creme Hidratante para Área dos Olhos

Creme para a área dos olhos que diminui a aparência bolsas, olheiras e linhas finas. Uma fórmula leve em gel que ajuda a manter a maquiagem dos olhos no lugar. Para uso pela manhã e à noite, sob os olhos e nas pálpebras. Testado Oftalmologicamente.
Tipos de pele: 3 – Oleosa, 4 – Muito Oleosa

clinique2

O pote é bem pequeno, tem 15ml só, mas RENDE muito. Acho que vai demorar super pra acabar porque só de encostar na tampinha já é o suficiente pra aplicar nos dois olhos. Estou usando há quase um mês todos os dias, de manhã ou à noite (às vezes os dois). Quando você passa, parece que vai deixar a pele pesada. Mas depois de uma massageada ele seca completamente e a pele fica bem macia. Não notei diferença nas olheiras, mas a pele fica realmente melhor e as linhas ficaram um pouco mais suaves, principalmente onde costumava acumular corretivo!

clinique1

Achei um bom investimento e é provável que eu compre outro quando esse acabar. O único contra é o precinho… R$175 reais aqui no Brasil! Então se você tiver alguém viajando, peça pra trazer de fora… No site da Sephora americana ele está por U$30!

Estou testando um outro creme da Clinique, pro rosto, que ganhei de brinde numa compra na Sephora! Conto semana que vem :)

maybel3

Base Maybelline Pure Make-up

Como algumas de vocês já sabem, eu faço um tratamento pra controlar uns surtos de acne nervosa que rola por aqui às vezes. Por isso, preciso ser muito cuidadosa com o que uso no meu rosto! A minha pele é mista, pra piorar tudo, então não posso usar nada muito pesado. Quando vi essa base da Maybelline na farmácia, tive que comprar pra testar!  é a Maybelline Pure Make Up.

maybel3

Segundo o site da marca:  A fórmula da Base Pure Makeup é perfeita para você que possui pele oleosa, ela é leve e contém ácido salicílico, que ajuda a combater as imperfeições da pele mista ou oleosa. O resultado é uma pele perfeita e sem brilho! 

Vamos começar pela embalagem. Eu realmente preferia que fosse do tipo pump, porque essa bisnaga sempre faz sair mais base do que você precisa e acaba rolando um desperdício. É muito fácil fazer uma besteira… Fora esse acúmulo na tampa, também não sou fã.

maybel2

A consistência é bem líquida, mesmo. A cobertura é leve, não é nada muito pesado, e a pele fica bem sequinha mesmo. Não parece que você está de base se passar uma camada só, então ela é perfeita pro dia-a-dia.

maybel1

 

Vamos à falta de dignidade! Abaixo tem um antes, completamente sem maquiagem ou vergonha na cara. A segunda foto é só com a base, sem o resto da maquiagem nem corretivo. Ela cobre algumas imperfeições e dá uma leve disfarçada nas olheiras. Pra mim é bom porque, como vocês podem ver, eu sou ROSA. E essa cor de pele sempre precisa de maquiagem pra ficar uniforme e sem manchas.

maybel4

Abaixo estou já maquiada (e meio estrábica, não entendi o que aconteceu haha). Estava com uma maquiagem bem leve porque estava muito calor no dia. Acredito que essa base também é boa pra quem tem pele normal nesses dias quentes, porque ela demora mais pra deixar a pele oleosa! Se o dia está fresco, ela aguenta das 10h até umas 18h sem deixar a pele brilhosa.

maybel5

 

No geral, gostei bastante. Só melhoraria a questão da embalagem. Outro problema é que não vem muitas cores pro Brasil. Enquanto nos EUA eles tem mais de dez tons, aqui são apenas 4. As pessoas de pele rosada como eu nunca tem uma cor que fique boa nessas opções mais baratas…

O preço é amigo: paguei R$28 na Droga Raia.

del1_dest

Delineadores coloridos Quem Disse Berenice

Já postei várias vezes no Instagram algumas maquiagens usando meus delineadores coloridos da Quem Disse Berenice, mas nunca falei deles aqui!

Comprei os dois em dias diferentes. Primeiro foi o azul, depois precisei voltar pra pegar o verde. Agora estou aqui desejando o roxo! Cada visita na Quem Disse Berenice é assim, saio de lá querendo voltar e levar mais milhões de coisas. Na wishlist da vez também está uma sombra dourada maravilhosa… del3

Voltando aos delineadores: as   cores são verdolino e azulino. O verdolino é um verde musgo metálico, e o azulino é um azul royal beeeem chamativo. Acho que o verde fica bom pra complementar uma make com tons mais neutros! O verde também é ótimo pra destacar olhos castanhos e cor de mel, viu? del2

O azulino é pra quem quer dar uma ousadinha! Normalmente uso só o delineador e um batom rosa, fica fofo. No dia em que tirei essas fotos, por coincidência estava com o verdolino! Tirei uma foto pra vocês verem como ele é super discreto:

del1

Não encontrei uma foto minha com o delineador azul, mas quando tirar atualizo o post.

Sobre a qualidade: nunca usei os delineadores da MAC, que são referência total, mas acho os da Quem Disse Berenice muito bons. O azulino tem uma duração melhor e fica a noite inteira sem borrar! O verdolino sai mais fácil. Uma coisa que acontece com o verdolino também é que logo que eu aplico, sinto uma ardência. Minha pele é muito sensível e eu já tinha sentido isso muitos anos atrás com um delineador prateado da Avon. Deve ter algo nos delineadores metalizados que me incomoda um pouco… mas depois de alguns segundos, o ardor some.

Não sigam meu exemplo: se vocês tiverem algum tipo de reação a alguma maquiagem, tirem na hora! É que eu sou teimosa, hehe.

Ah! Cada delineador custou R$17,90 e você pode ver onde encontrar a marca na página dela no Facebook.

 

 

Kit Sugarlicious da Benefit

Fui passar o Reveillon no Rio de Janeiro e a casa da avó do meu namorado é em Copacabana, pertinho do shopping Rio Sul. Um dia fomos lá e eu não resisti a uma passadinha para finalmente conhecer a famosa Sephora e me dar o meu presente de Natal! O escolhido foi o kit Sugarlicious da Benefit!

sugarl4

O kit custa 140 reais e vem com miniaturas de produtos famosos da marca para criar um look nude. Tinham vários outros kits com outras combinações mas esse tem três produtos que eu queria muito testar: o famoso Benetint, o iluminador High Beam e o blush-iluminador-bronzeador Sugarbomb!
sugarl2sugarl1

A caixinha vem com um espelho (olha eu ali!) e um livrinho acoplado que ensina a fazer um look natural com os produtos do kit.

sugarl7 sugarl6

Vocês já devem conhecer o Benetint e o High Beam, não é novidade pra ninguém… Eu amei! Nesse dia que fiz as fotos usei todos os produtos pra ver como ficava e realmente fica incrível e super natural. Um arzinho de saúde, pele com brilho e bochechinha rosa. Tipo naturalmente bela.

sugarl5

Esse abaixo é o Sugarbomb no meu dedo. Um laranjinha com pouco brilho. Na pele fica super natural.

sugarl3

Gostaram das fotos? Estou amando esse kit! Já quero o Benetint em tamanho natural, estou vendo que vai acabar rapidinho <3 Não tirei foto do gloss, mas ele é cor de boca e não fica super melado. Bem gostosinho. Ah, o Benetint também pode ser utilizado antes do gloss pra dar uma corzinha nos lábios (mas o gosto não é muito bom então não recomendo).
O kit custa R$145 no site da Sephora brasileira (mas eu paguei 140 na loja). Você pode comprar online aqui!

Filme: Procura-se Um Amigo Para O Fim Do Mundo

Ontem de noite assisti Procura-se um amigo para o fim do mundo, filme com Steve Carell e Keira Knightley. O filme é um drama-comédia (muito engraçada essa categoria, como pode ser drama e comédia ao mesmo tempo?) que começa contando a história de Dodge, um cara com uma vida mediana e sem graça que se vê sozinho em meio ao fim do mundo – um asteróide atingirá a terra em algumas semanas e sua mulher simplesmente o abandona. Ele decide ir atrás de sua paixão de colégio que não vê há muitos anos e leva consigo Penny, sua vizinha meio maluca, e Sorry, um cachorro que foi literalmente abandonado para que ele cuidasse.

Achei o filme engraçado, com uma trilha sonora gostosa, fotografia bonita e boas reflexões sobre o que é realmente importante na vida. Fiquei pensando em todas as coisas que gostaria de fazer se estivesse na mesma situação. Se você não gosta de chorar em finais de filme, esse não é pra você. Eu chorei.

De qualquer forma, recomendo! :) A diretora e roteirista é Lorene Scafaria, que também foi roteirista de Nick & Norah’s Infinite Playlist (Uma Noite De Amor e Música), filme que adoro.

Com quem você gostaria de passar o último dia da existência do planeta?

123