Instagram

Follow Me!

  • Home
  • /
  • Tag Archives:  lista
trezecoisas1

Treze coisas que eu aprendi em 2013.

Esse ano foi especialmente difícil pra mim. Eu mudei muita coisa no meu corpo, coração, mente e estilo de vida. Precisei fazer muitas escolhas e conviver com as escolhas de outras pessoas que não eram as que eu tomaria. Não foi fácil, nem está sendo, mas vai melhorar. Sei que aprendi muito e continuo aprendendo todos os dias. A gente pensa que um dia vai passar por tudo, que sabe de tudo, mas na verdade não sabe. Sempre tem uma lição nova pra levar pra casa. Essas foram as treze lições que tirei desse ano cabalístico e caótico, mas que acaba muito em breve:

13coisas

1. Quem tem amigos tem tudo. Sejam trinta ou apenas um, se você tem alguém que te ama de verdade – um amigo, não um namorado ou coisa do tipo, por mais que seu namorado também seja seu amigo não é a mesma coisa – tudo vale a pena. Sou eternamente grata pelos amigos que tenho, que são poucos, mas são valiosíssimos. Esse ano foi difícil e vi como eles foram importantes pra mim.

2. A vida te dá rasteiras e tudo o que você pode fazer é começar de novo. Porque vai fazer o quê? Tem que seguir vivendo. Todo mundo passa por dificuldades. Dói, mas passa. Uma hora passa.

trezecoisas1

3. Recomeçar não é tão ruim ou difícil assim. Na verdade, pode ser até animador sair de uma situação cômoda. As pessoas seriam mais realizadas se estivessem sempre saindo de sua zona de conforto.

4. Sempre tem alguém pra te dar força. Se não tem, você precisa de amigos novos. Se os seus amigos desaparecem porque você está triste e depois voltam te chamando pra uma balada, eles são apenas seus colegas.
trezecoisas2

5. Aproveite cada momento feliz como se fosse o último. Porque um dia pode ser que seja e você vai se arrepender de não ter aproveitado.

6. Ame sem medo. O medo é um veneno e atrapalha o sentimento mais bonito que pode existir. O amor pode doer algumas vezes, mas não tenha medo de se arriscar: você pode estar prestes a viver a história mais bonita da sua vida e nem sabe.

7. Cuide de si. Não espere ninguém cuidar de você. Entenda como quiser: faça terapia, um esporte, uma dieta nova, saia mais, aprenda alguma coisa, tire um dia da semana pra arrumar o cabelo, qualquer coisa. O importante é se fazer carinho.

8. Beber água é importante, porra. Meu corpo mudou completamente depois que eu comecei a beber dois litros por dia.

9. A cura está em pequenas coisas. Remédios demais vão te deixar mais doente. Nem sempre você precisa de uma alopatia pra melhorar. Libere-se desses pequenos vícios.

trezecoisas3

10.  Descubra uma paixão, mesmo que você não viva dela. Eu tenho a costura, o blog, a escrita e um milhão de projetos na minha cabeça. Queria viver deles, mas não posso. Mesmo assim, sei que estão lá e é um conforto saber que tenho pra onde correr quando a cabeça ferve.

11. Fazer planos é uma terapia mesmo que não possa realizá-los no momento.  Planeje todos os detalhes daquela viagem que sempre quis, ou qualquer coisa que o valha. Começar a fazer os planos é o primeiro passo para realizá-los. Foco neles.

12. Se conscientizar dos seus erros te torna mais humilde e é o primeiro passo para mudar. E é difícil admitir que está errado, mas é um processo. Faça uma auto análise diária. Não se culpe pelas atitudes que não deveria ter tomado e se prepare para mudar no futuro. Faça somente o que faz bem pra você e pros outros.

13. Um ano é só um período de tempo, mas aproveite a virada pra se dar novas chances. Porque nunca é tarde pra recomeçar.

et

5 filmes que eu amei na infância

Essa semana estou nostálgica. O post falando sobre a minha infância e adolescência em Atibaia tem um pouco de culpa disso porque fiquei lembrando de várias coisas gostosas de quando era mais novinha e deu até saudade. Na minha casa sempre fui super incentivada a ler e assistir filmes, e alguns me marcaram pra sempre. Naquela época demorava muito mais pros filmes chegarem aqui no Brasil, então a maior parte é do começo dos anos 80 mas eu só assisti quando já tinha entre 4 e 7 anos (de 90 a 93).

Fiz uma listinha dos cinco filmes que mais amei na infância!

historiasemfim

História Sem Fim
Como disse, meus pais amavam ler e me incentivavam bastante comprando revistinhas, livrinhos e lendo pra mim. Aprendi a ler direitinho com 3 anos então me identificava com esse filme! Bastian é um menino com uma imaginação super fértil que se joga literalmente nas histórias dos livros que lê, vivendo um mundo de fantasia. Meu sonho era voar nas costas do Falcor, o dragão com carinha de cachorro <3

 

MSDSTBY EC032

Conta Comigo
Depois de adulta fiquei muito fã do Stephen King e descobri que esse filme é baseado num conto dele! Tem o River Phoenix pequeno, muito fofo. Conta a história de um grupo de meninos que, nas férias, querem descobrir onde está o corpo de um garoto desaparecido. Amo filmes que falam sobre férias de verão!

 

et

E.T., O Extraterrestre
Você pode pensar que é sobre seres de outro mundo, mas esse é um filme sobre como a amizade de verdade ultrapassa qualquer barreira. Eu era estranha e não tinha muitos amigos quando era pequena então super me identificava com o ET! Hahahaha.

 

muppets

Os Muppets Conquistam Nova Iorque
Esse foi o primeiro filme que chorei. Minha mãe riu de mim e eu falei que era porque tinha feito xixi na calça – de alguma forma mentir que fiz xixi na calça pareceu mais digno do que chorar num filme dos Muppets. Pode dar spoilers num filme que tem mais que vinte anos? No fim, os Muppets voltam pra casa mas a Piggy decide ficar em NY pra tentar a carreira de atriz. Aí quando ela se despede do Caco é triste demais. Meu coraçãozinho de 4 anos não aguentou.

 

elvira
Elvira, A Rainha das Trevas

Não é bizarro que um filme em que uma bruxa maluca chacoalhe os peitos no final tenha feito tanto sucesso entre crianças? Nos anos 90 não existia muito isso de bom senso e esse filme passava quase todo dia na sessão da tarde. Aliás, a atriz que faz a Elvira ainda faz aparições com a personagem até hoje e até foi jurada em um episódio de RuPaul’s Drag Race.

 

E aí, quais filmes marcaram sua infância? 

 

 

 

top do top – músicas pra dias chuvosos

bom, pra dar uma animada no blog – ultimamente não tenho tido muito o que postar sobre a minha vida, na verdade – resolvi criar uma seçãozinha semanal com uma coisa que eu amo: listas. faço lista pra tudo nessa vida, nem que jogue fora depois. na top do top vou fazer um top cinco (ou dez, ou sete, ou whatever) sobre qualquer coisa. pra estrear vou começar com um top do top tema do dia de hoje – um dia cinza, friozinho e chato em são paulo.

e o Top do Top de hoje é de…


#8 – love, love love – the organ
eu sei que the organ é do canadá, mas não sei se é a semelhança com the smiths que me faz pensar numa londres chuvosa e melancólica toda vez que ouço essa música.

#7 – lola – the kinks
essa é pra dar uma animada leve, porém não a ponto de dançar. quando você tá no trabalho e dá preguicinhas todas as vezes que olha pela janela, ouça essa música e controle-se pra não cantar lololololoooolá enquanto seu chefe estiver por perto.

#6 – purple rain – prince
auto explicativo, mas não recomendo se você acabou de tomar um pé na bunda com a desculpa “acho que devíamos ficar apenas na amizade”. a letra é de matar.

#5 – sunday sun – beck
pra você ficar com saudade daquele domingo no parque quando o tempo não estava tão ridículo e tudo era quentinho e colorido.

#4 – made of stone – stone roses
pra mim é aquela chuva no meio do caos, tipo filme de fim do mundo com herói gato salvando a terra dos extraterrestres: “when the streets are cold and lonely and the cars they burn below me, are you all alone? is anybody home?”

#3 – blue monday – new order
vocês sabiam que a expressão ‘blue monday’ significa aquela segunda feira deprê depois de ter passado o fim de semana muito alucinado? hoje em dia o pessoal diz que “tá na bad”. não consigo imaginar um single no top das paradas chamado “tô na bad” então um viva aos anos 80.

#2 – pictures of you – the cure
uma das minhas bandas favoritas, the cure cita chuva em várias músicas. é a atmosfera ‘dark’, deprê porém cheia de sentimento. imagine os gotiquinhos nos anos oitenta com suas makes derretendo na chuva enquanto cantarolavam pictures of you. é isso que vem na minha cabeça.

#1 – half a person – the smiths
pra fechar com chave de ouro, the smiths. nenhum dia de chuva é completo sem eles. pode escutar toda a discografia que vai combinar, mas half a person é uma garoa fina num dia gelado, pode apostar.


50 coisas pra fazer antes de morrer.

não, isso não é um meme. é uma lista pessoal, que eu pensei item por item. ao invés de copiar, faça a sua. garanto que dá um ânimo maior num dia desse de inverno paulista.
inicialmente eram 100 coisas pra fazer antes de morrer, mas tava difícil. então eu deixei como 50 coisas pra fazer antes de morrer, e conforme for pensando em mais coisas vou postando os adendos pelo blog ;)
são a essas coisas, pequenas ou não, que nós precisamos nos apegar. os sonhos, as metas. são elas que nos fazem continuar vivendo.
(coraçãozinho () pras coisas que eu já fiz, que são poucas)

1. dormir sob as estrelas 
2. ter um bebê
3. dançar como se ninguém estivesse olhando
4. beijar na chuva
5. ser dj por uma noite
6. ser rockstar por uma noite
7. estar nos palcos de teatro mais uma vez
8. amar perdidamente
9. nadar pelada! ;)
10. ser boa o suficiente no tricô pra fazer isso
11. fazer um mochilão pela europa
12. ter uma mini biblioteca em casa
13. decorar meu próprio apartamento
14. ver um musical na broadway
15. fazer amor ao ar livre
16. ser fluente em pelo menos cinco idiomas
17. comprar uma câmera profissional, ou semi, e parar de ter vergonha de tirar fotos
18. casar, nem que seja pra durar pouco
19. comprar um videogame
20. ver um fim de tarde na praia em vancouver
21. fazer exercício todos os dias
22. tirar carta de motorista
23. ver de perto a tomatina
24. aprender a meditar
25. passar um mês numa dieta vegan
26. comprar um carro
27. aprender a cozinhar (e fazer um jantar romântico pra alguém que mereça)
28. morar em outro país
29. ver um jogo do brasil na copa do mundo
30. apostar uma corrida na praça do Général de Gaulle, em Lille
31. fazer uma noite de pizza em casa pros meus amigos
32. chorar no show de uma das minhas bandas favoritas
33. sumir da internet por um tempo (e fazer vocês sentirem saudade!)
34. escrever um livro
35. aprender a dançar tango
36. jogar rock band
37. dar um grito do lugar mais alto que eu conhecer
38. ajudar alguém a atravessar uma rua
39. fazer terapia
40. saltar de pára-quedas
41. plantar uma àrvore
42. levar presentes de natal num orfanato
43. ter uma idéia revolucionária
44. parar de tomar remédios
45. ver um show no central park
46. andar de snowboard
47. correr pelada na rua (e não ser presa)!
48. pular do alto de uma cachoeira
49. dividir um escritório com um amigo
50. conseguir completar toda essa lista