Instagram

Follow Me!

  • Home
  • /
  • Tag Archives:  inverno
RDA_7662

O que eu vesti: saião pro frio!

Esse look é de um tempo atrás, mas por coincidência estou usando essa saia de novo hoje! Amo usá-la nos dias frios, já que fica boa com bota e meia calça, mas vai dar pra reaproveitar com um top cropped e rasteira no verão. É de malha fina, então nos dias bem gelados tem que caprichar nas camadas de baixo…

Essas fotos foram feitas na Praça Roosevelt, um lugar bem legal aqui em São Paulo que fica cheio de skatistas durante o fim de semana. Nesse dia estava um céu lindo, e um tempo agradável, então foi uma delícia fotografar por lá! Tinha cachorrinhos muito fotos, inclusive um igual ao da minha malha! Queria tirar foto junto, mas fiquei com vergonha de pedir :(

Ao redor da praça tem uns bares gostosos e alguns teatros. Pra quem não conhece, vale a pena passar por lá!

RDA_7652

RDA_7662RDA_7659

RDA_7663

A malha é da Emme, os brincos são da Fique Rica, a saia e a regata cinza da Marisa.
Ah, o batom é o Vermelito, da Quem Disse Berenice!

 

Fotos por Dave Armano

O que eu vesti: miau!

Está aberta a temporada da jaqueta de couro e meia-calças de todos os tipos! EBA!

Ontem foi aniversário de namoro e fui com o Chicó comemorar dois anos e meio no Zena Caffé. Foi uma delícia! Escolhi esse look pra usar à noite (na verdade, acabei trocando o coturno por uma sapatilha e coloquei uma outra meia-calça por cima, tava muito frio!) e combinou com o climinha. Gosto dessa mistura de rocker e romântico…

 EMME7_4

Jaqueta 284 para C&A | Regata de gatinho Emme | Saia Emme | Meia-calça Lupo | Coturno (não lembro a marca, comprei na Mundial Calçados do Shopping Morumbi)

EMME7_1

EMME7_3

EMME7_2

EMME7_5

Sempre me divirto muito quando saio com o Chicó pra tirar as fotos de look que posto aqui! Dessa vez a saia soltinha rendeu até um gif animado :P

dancinha

Tchururubidu!

Você pode ver meus posts no Blog da Emme clicando aqui!  E também pode ver todos os meus posts de Look do Dia clicando aqui  =^.^=

Atibaia, jurupinga, nostalgia.

Sábado de manhã eu fui pra Atibaia com meus pais e o Chicó. Pra quem não sabe, Atibaia é uma cidade a mais ou menos 70km de São Paulo e foi aonde eu morei dos 6 aos 16 anos. Lá eu cresci, dei meu primeiro beijo, aprendi a tocar baixo, tive banda, fiz shows, pintei o cabelo de rosa e passei por muita merda também. Impossível dizer que Atibaia não faz parte de mim e do que sou – ela é quase tudo o que eu sou, apesar de ficar triste sempre que lembro de várias coisas de lá.

Minha mãe é artesã e queria ir comprar juta pra fazer tapete arraiolo, técnica que ela aprendeu quando eu era criança e a gente morava lá. No fim das contas ela nem achou o que queria, mas a gente passeou e mostrou pro Chicó a minha vida de lá – onde eu saía, as casas que morei, onde andava de bicicleta… Foi bem gostoso, eu tinha esquecido o quanto Atibaia é uma cidade linda, meio de novela, meio de cinema. Mas eu nunca me identifiquei com o marasmo da cidade pequena, preciso de trânsito, metrô, gente falando o tempo todo.

A gente também foi na Vinícola do Nardini, que é bem tradicional de lá e faz a famosa Jurupinga – que lá eles chamam de Jeropiga. Também fazem vinhos incríveis e licores em tonéis gigantescos, tudo tem um cheirinho gostoso de uva e me dá vontade de levar a adega inteira.

Sinto muita falta de ter uma casa lá pra ir em alguns fins de semana, ver alguns – poucos – amigos queridos que ainda estão por lá, tomar sol, nadar e ficar na rede quando está frio. Quem sabe um dia meus pais não voltam pra lá e meus filhos e minha sobrinha possam crescer subindo em árvores e andando de bicicleta na rua como eu cresci.