Instagram

Follow Me!

masvcvaisozinha1

O livro da Gaía Passarelli vai fazer você querer viajar agora

E pronto. A resenha podia terminar no título. Mas tem muita coisa que eu queria falar sobre esse livro, então acho que ele merece muito algumas outras palavrinhas.

Eu acho a Gaía uma mina muito foda, primeiro porque ela foi repórter de música numa época em que mulheres sofriam muito ao trabalhar nesse meio (continuam sofrendo), e sempre que a vi pela MTV pensei que ela era uma mina corajosa pra cacete. Segundo porque ela sempre viajou muito, e com redes sociais eu acompanho as viagens faz um tempo e, porra, quem não quer ganhar a vida viajando? Todo mundo. Mas poucos podem e conseguem, porque viajar é legal mas estar aberto às experiências que as viagens podem te trazer é só pra alguns.

masvcvaisozinha2

Eu nunca viajei sozinha por mais que dois dias – os quais passei trabalhando no Lollapalooza Chile. Foi minha primeira viagem internacional e eu chorei de felicidade porque andei de metrô sozinha num país que não era o meu. Pra quem tem ansiedade, crise de pânico e coisas do tipo, foi um grande marco. De qualquer forma, viajar sozinha continua sendo um tabu pra mim.Além disso, o medo de ser mulher em outro país realmente é bem grande. O livro da Gaía me ajudou a perder o medo de um monte de coisas, e vi o quanto você pode viver os lugares que vai de forma diferente se estiver sozinha.

masvcvaisozinha3

Mas o livro não é apenas uma série de dicas de viagem para meninas viajando sozinhas. Aliás, a menor parte do livro é isso. O que me tocou mesmo foi o quanto a Gaía conseguiu ser sincera e clara sobre quem ela é durante o livro. Não é qualquer um que consegue dar a cara a tapa e falar que sofreu de amor sim, chorou catarrenta igual a gente sim, usou drogas sim. Definitivamente não é o livro amaciado que a gente tá (infelizmente) acostumado a ler. O livro é sobre uma mulher viajando sozinha e transando por um fim de semana inteiro com um desconhecido, experimentando ahayuasca e ficando sem dinheiro pra comer. É real. E, de novo, me mostrou o quanto a autora é corajosa. Hoje em dia a gente não acha muita gente que tem coragem de mostrar realmente quem é.

masvcvaisozinha4

Ah, não posso terminar esse post sem falar o quanto as ilustrações são lindas, pela artista plástica Anália Moraes! Combinam perfeitamente com o clima do livro, e você se sente uma amiga das duas trocando ideias sobre os causos da vida. Daqueles encontros deliciosos que quando você vê já é hora de partir, terminar o café frio numa golada e guardar na estante.

Você pode comprar o Mas Você Vai Sozinha, da Gaía Passarelli, na Amazon, por R$31,90. Foi esse o preço que eu paguei e chegou no dia seguinte com frete grátis na minha casa (em São Paulo). Mas fica de olho que a Amazon sempre tem promoção!