Instagram

Follow Me!

  • Home
  • /
  • Blog
  • /
  • Eu voltei, agora pra ficar.

Eu voltei, agora pra ficar.

Acabei de passar meia hora olhando pra tela em branco do wordpress pensando no que escrever. Eu simplesmente desapareci desse blog que é minha casa virtual, literalmente. Aqui, vocês que devem estar me lendo em algum lugar me conhecem exatamente como eu sou: desbocada, aleatória e completamente natural. Nunca tive a necessidade de fazer parecer que gosto de algo ou faço algo que não faz parte de mim. Meus looks são looks que eu usaria sempre, meu cabelo nem sempre está perfeitamente arrumado (na verdade, nunca está), eu raramente tenho tempo pra fazer as unhas.

jpeg

Nas últimas semanas, eu sumi de mim. Estou preparando uma mudança de casa (se tudo der certo volto pra falar mais sobre isso até o fim da semana), tive três semanas puxadas de trabalho e minha saúde também deixou um pouco a desejar. Eu abria a janelinha e não sabia sobre o que falar. Ou até sabia, mas não conseguia tempo, e ia deixando aquele post pra depois até chegar em casa e estar tão cansada que não conseguia nem digitar uma palavra. E depois esquecia, porque a somatória de cérebro e coração cansados nunca dá nenhum fruto além de poemas aleatórios no meio da madrugada.

Nesse meio tempo eu recebi três e-mails de leitoras perguntando se estava tudo bem e isso me deixou muito feliz. Porque eu até posso ver analytics e tudo mais, mas depois que os comentários nos blogs praticamente morreram eu tenho uma séria dificuldade em acreditar que as pessoas leem meu blog. Uma das meninas falou que estava preocupada e perguntou se eu tinha terminado o namoro ou ficado doente.

Está tudo bem. É que a vida adulta tem dessas. Agosto foi um furacão e às vezes a gente precisa deixar coisas que ama um pouco de lado pra se focar nas coisas das quais PRECISA. Infelizmente, o blog não é um meio de me sustentar, e algumas vezes dá mais prejuízo do que lucro, então ainda preciso trabalhar de 8 a 12 horas por dia pra pagar minhas contas e conseguir respirar.

Mas estou numa fase de pressentimentos. Sei que grandes mudanças virão por aí, por mais que eu ainda não saiba o que serão. E mudar é sempre bom, por mais que no começo seja complicado em algumas situações.

O Mais Magenta faz SETE ANOS em janeiro.

Que venham mais sete.

 

  • jules

    Que venham mais sete, e até 70! <3
    (se a gente aguentar escrever em blogs por 70 anos, claro.)

    Beijos, Dani!

    • vamos blogar até a artrite chegar!

      • Anne Rego

        No fim, tatudubem :) Obs: a minha artrite já chegou haha!

  • Michelle Gallon

    seu blog é um dos poucos que tem gente de verdade, vivendo e fazendo coisas de verdade, por isso a gente nunca vai deixar de ler <3

    • esse é um dos motivos, o outro é que você casou comigo derbysticamente e agora vai ter que me aguentar pro resto da vida MWAHAHA

  • Mauni Oliveira

    Oi, Dani!
    Faz pouco tempo que conheci teu blog, numa dessas pesquisas sobre alguma coisa que eu nem lembro mais no Google. Hehe… Interessante isso que tu falaste, acho que a interação nos blogs diminuiu mesmo. Ou sei lá, são tantos e a gente vai vendo tanta coisa que nem se anima a comentar em todos. Eu confesso que acompanho uns quantos, mas só em alguns comento. Enfim, senti que tinha que dizer alguma coisa porque a sensação que eu tenho neste ano é meio como tu descreveste, mudanças, que cansam, desestabilizam um tanto. E, ao mesmo tempo, esse pressentimento de que coisas melhores, maiores e desejadas estão ali na próxima esquina esperando por mim. Então, que vivenciemos as mudanças da melhor maneira possível para chegar em novas fases!
    Beijo

  • Delfis

    Nunca comentei, mas tu sabe, estou sempre por aqui.. prometo deixar comentários aqui e toda vez que me chamar no chat, wstpp e vida real.. hahaha..
    Mais 7 mais magenta!

  • Luciana Santos

    Sempre leio e nunca comento…Mas continue firme que suas leitoras são fieis!

  • Arrume tudo e volte sempre que puder. Teu blog é bacana demais! ;)

  • Que venham mais 14! Que venham mais 21!

    Seu blog foi um achado pra mim nos últimos tempos. E fiquei feliz com o retorno, espero poder acompanhar essa nova fase e te conhecer mais (e suas leitoras, que são umas fofas).

    Beijo

  • Nath

    Faço parte do time que nunca comenta. Não é por mal, tu sabes. A página fica no meu leitor de feeds, e por vezes eu deixo pra ler depois – pra ler com calma, porque não vou rolar o cursor por cima e mal ver o que está escrito (como faço com quase todos). Eu vou parar e ler. E depois de ler, eu fico pensando, e daí fecho tudo. Não porque não importe, pelo contrário. Daí não falo nada, porque… Fico pensando.