Instagram

Follow Me!

#casalnacozinha edição WINNING.

Semana passada compramos uma posta de salmão mas não fazíamos idéia de como preparar – eu não tinha nem feito arroz até pouco tempo atrás, muito menos salmão. No dia anterior minha mãe falou pra gente fazer com um creme e eu resolvi fazer creme de milho e purê, já que tava meio gripada mesmo e era o que tinha na geladeira.

Resultado: o melhor #casalnacozinha que já fizemos.

O creme de milho foi feito totalmente no chute – como a maior parte das coisas que tenho feito.  Coloquei o milho com água e tudo e um pouco de leite no liquidificador – nota, comprar um liquidificador novo antes que o atual exploda – e depois coloquei na panela com uma colher de maizena, mais um pouco de leite, sal, pimenta e meio tablete de caldo de legumes. Fiquei mexendo até ele adquirir uma consistência que eu julguei decente e pronto.

O salmão colocou pra marinar no mesmo esquema que tinha feito com a pescada, mas por muito menos tempo. Aí joguei na frigideira com um pouco de manteiga e esperei ele começar a desmanchar. Eu tenho PAVOR de peixe cru – comida japonesa, au revoir – então esperei ele ficar bem sequinho.

Gente, ficou uma delícia. O Chicó repetiu umas mil vezes e quase raspou a panela do creme de milho.

  • Márcio Marinho

    Ficou o mais delicioso de todos os tempos! Sinto até hoje o gostinho do salmão com aquela pitada de limão… e o creme de milho. huuuuumm…

    ficou uma delícia mesmo!

    #winning

  • telma

    olha,
    eu não sou uma pessoa que se diga “olha lá que mega ultra cozinheira” mas tive que aprender, na marra, pilotar um fogão, pois por muito tempo precisei carregar a minha marmita, e ter uma comida minimamente decente garante a saúde, percebe?
    então eu acho que posso dar uns pitacos, aceita?
    – liquidificador é bom, processador de alimentos é melhor ainda: o meu é de uma marca vagabunda mas tem boa potencia, o que garante que eu faça pures (cozinho as batatas e coloco lá, ainda quente, com manteiga e leite, sem dó), fatie e pique coisas para saladinhas e, no máximo da preguiça, bata um bolo ou um pão.
    – você frequenta lojas de 1,99? ajuda um monte!
    – asse tudo! é mais saudavel, mais prático e não te deixa com cheiro de gordura! carne, peixe, frango: tudo eu deixo de castigo no tempero e depois enrolo bonitinho no papel aluminio e da-lhe forno!
    – arroz, já tentou fazer no microondas? ou ter uma panela de arroz? parece luxo, e há anos atrás eu JAMAIS teria essa frescura, mas o arroz fica tão bão nessas panelas… dei uma de presente de aniversário pro maridón, um gaucho maldito comedor de arroz com batata (como pode viver sem feijão, né gente?)

    enfim, cozinhar é tãããããão legal! invista!
    (e compre temperos na zona cerealista)

    • daniellecruz

      oi telma! eba, adoro dicas.
      onde a gente mora agora não tem espaço pra muitas coisas – a gente tem poucas e quase nao tem espaço pra elas – então tô deixando pra pimpar a cozinha quando a gente mudar (o que espero que aconteça em breve). tá nos planos comprar uma panela de arroz, um processador ou liquidificador – ou os dois heh – e um microondas novo que o que a gente tem só funciona quando ele quer!
      eu quero fazer o salmão assado, nesse dia aí eu tava com tanta fome que preferi o mais rápido! ah, vc me lembrou que preciso de umas formas pra forno tb… hahaha
      eu nunca fui na zona cerealista? é ali no brás? só ouvi falar!

      • telma

        busca no google a rua paula sousa, também conhecida como “o paraiso do dono de restaurante” ou de gente como eu. lá tem uma loja, a Central do SAbor, que além de vender Monin (aquela essencia FODA pra fazer soda italiana, saca?) tem fôrmas por preços ridículos, acho que paguei menos de 5 pilas por uma de bolo inglês e uns 15 numa pra cupcakes. a zona cerealista fica do lado de lá do mercado municipal, e vende tudo por MUITO menos, de alho a azeite, sabe? super vale a pena bater perna e pechinchar.
        ai como eu adoro dar pitado na vida de jovens casais!
        por muito tempo eu praticamente morei na kit do meu namorido, e eu sei o que é fazer milagre com espaço! tivemos a sorte de achar um apê maior onde é possivel até ter escritório!
        e embora a gente tenha queimado sutiã em praça publica, embora a gente trabalhe oito horas por dia e ainda vá pra faculdade, ainda assim é tão bom ficar em casa e cuidar dessas coisas “pequenas”, né não? depois do ajuntamento de escovas de dente eu virei uma mulherzinha.

  • Ai Dani, que judição!
    Eu nem almocei ainda e senti o cheiro do salmão, do creme de milho… Certeza que ficou uma delícia mesmo.
    Eu tenho dó de fritar ou assar o salmão porque adoro ele cru com wasabi e shoyu, mas deu muita vontade de fazer esse banquete de vocês.
    Com certeza testarei!
    Beijos
    Cacau